ANO 04 – INFORMATIVO Nº 55 – GLOBALBLUE

“Mais um final de ano pela frente, mais uma oportunidade de encerrar um ciclo e recomeçar”.

*Roberta Nevoni | Psico One | 20 de Dezembro 2017

Mais uma oportunidade de acreditar que, quase como mágica, tudo vai se resolver no próximo ano. Tudo que não deu certo, tudo que ainda não começou, toda mudança que desejamos e não realizamos, assim que mudar o ano, é hora.

A mudança de ano é um marco para isso. É o que chamamos de Rito de Passagem, a celebração que marca a mudança de um status para outro. Realmente fechamos um ciclo para (re)começar outro.

É sim um momento importante para entender o ano que terminou, planejar um novo ano e renovar esperanças. Mas nada disso será completo se não conseguirmos colocar nosso mais novo-antigo plano em ação.

Quais são nossas prioridades? Quais são nossas chances reais? Por onde começar? Onde queremos chegar e o quê (ou quem) queremos satisfazer com isso?

É hora de usar todos os conceitos que aprendemos durante mais um ano, fazer uma autoanálise verdadeira do que sentimos, do que queremos, do que podemos, de quais desejos, necessidades ou mesmo crenças que tentamos suprir e quais realmente devem prevalecer.

Definidas as metas! Como vamos fazer para atingi-las respeitando os valores que construímos ao longo da vida? Já podemos nos preparar para buscar forças, recarregar baterias, saber que vamos desanimar, nos preparar para adversidades e também para as técnicas de automotivação no meio do caminho. Tudo isso faz parte do plano.

É hora de usar, na hora certa, da melhor maneira possível e em doses ideais todo o aprendizado que somamos nos últimos ciclos.

Preparados? Agir sem planejar pode ser um caos. Planejar sem agir é um sonho, mas ainda pode ficar para um outro ciclo. Vamos lá, pode ser dessa vez!

Quanto custa um ERP?

Final da TV Analogica

Os pilares da Inovação de Marca