ANO 05 – INFORMATIVO Nº 16 – GLOBALBLUE

 Em tempos de e-social, falar de Ambiente Físico é falar também de Ergonomia, a área que se dedica a entender e regularizar as relações entre os seres humanos e seus meios, métodos e ambientes de trabalho.

*Roberta Nevoni | Psico One | 09 de Março de 2018

 

Existe a preocupação em melhorar a maneira como o profissional executa suas tarefas considerando os domínios cognitivo, físico e organizacional: como os aspectos orgânicos (e.física) vão responder emocionalmente (e.cognitiva) aos estímulos da cultura e políticas da empresa (e.organizacional).

Tudo isso se desenrola num ambiente objetivamente reconhecido por todos, mas subjetivamente sentido por cada um, apesar da necessidade de manter algumas condições adequadas de iluminação, ruído, ventilação, vibração, temperatura e cores para desenvolvimento das atividades laborais – o que pode variar dependendo da atividade.           

A Psicologia Ambiental reconhece o ambiente físico como o estudo científico das relações entre o ambiente e comportamento humano. A ergonomia cognitiva, focada em processos mentais e perceptivos sobre a relação dos indivíduos e destes com seu ambiente, entende que um ambiente ergonomicamente satisfatório alivia o estresse e melhora a capacidade de raciocínio.

Mais reconhecido por seu conforto/confiança ou, ao contrário, por seu desconforto/risco, facilmente se esquece o que o ambiente físico de trabalho pressupõe a humanização, ou seja, haverá relacionamentos se desenvolvendo no espaço e esta interação é afetada até mesmo por detalhes na disposição e nos elementos constantes do ambiente, o que torna o ambiente físico um dos instrumentos de motivação do capital humano.

O ambiente que proporciona conforto (boas condições físicas: qualidade, confiança, segurança) gera estado de satisfação psicológica e pessoas satisfeitas produzem mais e melhor, se realizando através de suas atividades e gerando resultados organizacionais através da melhor Qualidade de Vida no Trabalho.

Quanto custa um ERP?

Final da TV Analogica

Os pilares da Inovação de Marca